quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Livro: O Homem e o Planeta Terra

O Homem e o Planeta Terra



Médium/espírito: Maria Margarida Liguori / Ramatis
Editora: Editora do Conhecimento
Páginas: 240


Sinopse:

Os que presenciam os acontecimentos que assolam o plano Terra, serão testemunhas de sua própria destruição, serão os mesmos que em outras ocasiões prestarão socorro a outros povos, de outros planos, a se erguerem do caos, pois suas próprias mãos é que estão exterminando a natureza que os acolheu. 

É preciso refletir!
Nas acomodações deste plano, em sua parte mais íntima, ligada aos reinos da natureza, estão se passando grandes transformações.

Nesta ocasião em que a Terra se modifica em sua estrutura física, está dando, também, oportunidade a que sejam mudadas suas reações e ações no plano mais sutil, na parte cósmica que envolve o planeta, ou sejam, as modificações em seu plano oculto, pois todo corpo tem sua contrapartida no oculto. Vamos chamar a parte oculta do plano como sua alma. A Terra, portanto, está sofrendo os abalos que refletem em seu íntimo e que transformam os acontecimentos do plano em sua estrutura física. Estão ocorrendo no momento grandes transformações, tanto em seu clima, como em sua própria natureza. O homem está interferindo em tudo que está a seu alcance, tanto assim que as modificações atmosféricas, tais como a poluição, estão dando uma outra investida a seus habitantes.
Estamos vendo que o homem é seu próprio algoz, e não há mais esperanças de sua ambição terminar; todos estão num só princípio e numa só atuação de destruição. Portanto, é hora de reflexão! O homem deve refletir em sua atuação, pois chega ao fim de um milênio e não sabe ao certo sua própria direção.

Que todos possam encaminhar suas ações para um bem comum, e não perder a rota, a direção que é o verdadeiro caminho da LUZ, da PAZ, do AMOR.


Algo é fato: o homem esta destruindo algo magnífico: o planeta que vive. 

Alguém já parou para pensar como temos lugares lindos nesse planeta? Quem nunca sonhou (ou sonha) em conhecer um lugar devido suas belezas naturais? Quem nunca olhou as estrelas? Quem nunca sorriu em ver um pôr do sol ou um amanhecer? Tudo isso é nosso!! A natureza nos dá o sustento, nos dá o que beber, nos dá paisagens lindas, nos dá uma energia maravilhosaa que enche nossa alma de paz ... e no entanto o que fizemos com tudo isso? Destruímos!!

E nem venham falar e citar as pessoas que derrubam árvores, que possuem usinas que lançam fumaça tóxica no ar, etc, sim, essas pessoas tem culpa sim, assim como também tem culpa quem joga lixo na rua e ajuda e entupir os bueiros, tem culpa também quem não pode ver um pedacinho de grama que já chama um pedreiro para calçar e colocar muito cimento em cima, tem culpa também quem abandona os animais, tem culpa sim quem só pensa em dinheiro dinheiro e dinheiro não pensando no que tiver que destruir. Ou seja, muitos de nós tem culpa sim!! E não adianta falar do tempo que anda doido, os calores que fazem no inverno ou os dias frios que fazem no verão. O tempo tá doidinho? Sim esta e a culpa é nossa!!! Inclusive é culpado quem vê tudo isso e não faz nada, e não estou falando em liderar grupos de protestantes, o fazer pode ser dentro de casa, pode ser nos hábitos amigos da natureza que podemos adotar. 

Este livro fala disso, da relação do ser humano com a natureza e de como estamos destruindo nossa maior riqueza. E depois dizem que o ser humano é animal racional ... não to achando isso não..

0 comentários:

Postar um comentário

** Obrigada pelo comentário. Seja sempre bem-vindo (a) !! **
Obs: Comentários anônimos serão deletados.