domingo, 22 de outubro de 2017

Resenha: Conhece-te

Autora: Teresinha Doval
Editora: Outras Linhas
Número de páginas: 104
Skoob


Em 'Conhece-te', o espírito de Rama aborda o caso de um doutrinador espírita que trilhou a senda da vaidade e da prepotência e retornou ao mundo astral esperando colher os frutos de sua obra.

Este livro faz o leitor refletir não só sobre trabalhadores de centros espíritas mas sim de qualquer pessoa no sentido de equilibrar palavras e ações. 

Não é somente em centros espíritas que esse equilíbrio deve ser analisado mas em igrejas, terreiros, etc.  Passar palavras de incentivo e carinho nada tem a ver com arrogância e contradições de falar algo e em casa fazer outro.

Não interessa o grau de conhecimento que cada um tem, a humildade deve prevalecer sempre, ela é a maior das sabedorias. 

Nessa história conhecemos o caminho "brilhante" de um doutrinador quando encarnado e nem tão brilhoso quando desencarnado. Reconhecer suas fraquezas, ter atitudes coerentes com o que defende, fala, transmite. 

Um livro rápido de ler mas que em poucas linhas provoca uma grande reflexão.



quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Resenha: Não Resisto


Autora: Amanda Marques
Editora: Autografia
Número de páginas: 382

Skoob

Recém-separada, sem filhos, chegando aos 40 anos, sentindo-se solitária e inútil, Lina conhece o charmoso e confiante advogado Miguel. Depois de descobrir seu histórico instável quanto aos relacionamentos amorosos, ela decide não levar adiante o clima de paquera entre eles. Porém Miguel insiste, ela acaba cedendo e em pouco tempo os dois já estão morando juntos. Uma reviravolta acontece quando Lina acredita que finalmente começará uma feliz e tranquila fase de sua vida, pois ela se dá conta de que os antigos casos amorosos dele não foram tão bem resolvidos e que ele não parece muito disposto a tentar salvar esta nova relação.


O livro conta a história de Lina, que tinha uma vida tranquila, sem muitas emoções, além de ter conhecido seu grande amor na faculdade e ter vivido com ele, na verdade morado com ele durante 15 anos. Ela vivia uma rotina calma com ele e no seu trabalho, junto com a melhor amiga que também conheceu na faculdade elas montam uma empresa de correções textual e com elas mais duas amigas se uniram. Mas a tranquilidade um dia acabou...o amado dela (Fábio) diz que conheceu outra mulher e pede para Lina deixar a casa em que moraram...

O sentimento marcante foi que tiraram o chão de Lina, ela não esperava por aquilo, ela não sabia lidar com fortes emoções, ela não sabia se um dia ia esquecer...

Porém no meio da tristeza profunda, e aqui há partes bastante engraçadas sobre o estado deplorável da personagem, as amigas de trabalho não poupavam "elogios" sinceros e meio ela estando em um mar de lágrimas foi impossível não rir com a situação que ela se encontrava. Aliás, algo que ameiiii é o jeito franco, tagarela nos momentos de nervossismo da nossa protagonista. Ri muito durante toda a história imaginando ela cometer certos... "ops...acho que falei demais" *, hehehehehehe. 

Mas como aguentar tanta tristeza quando sua melhor amiga está noiva, feliz e com o casamento próximo? A propósito foi no noivado oficial de sua amiga Diana que ela conheceu Miguel, um lindo, maravilhoso, pedaço de mal caminho e que ficou caído por ela. O problema nisso tudo é que o cara além de ser charme e sensualidade bruta, ele sabe disso, sabe do porder que tem e óbvio, usa seu jeito sedutor para encantar mulheres. Mas será que dessa vez o feitiço virou contra o feiticeiro? E o nome dele é Miguel. 

O romance dos dois mais parece montanha russa, tem altos e super baixos, Lina não sabe mais se acredita ou não no monumento que tem na frente, e além disso tem sentimentos ainda não curados do seu amor de 15 anos juntos. Imaginem a bagunça na cabeça de uma mulher no meio de furacão de emoções como esse... a cabeça de nossa personagem ficou tão desnorteada que ela acabou usando um material de trabalho em benefício próprio e devido a isso ainda conheceu mais pessoas maravilhosas. Óbvio que não entrarei em detalhes aqui...tem que ler.

É de apertar o coração e sentir revolta quando casos antigos de sedução de Miguel começam a reaparecer, a mulherada sente algo que não gosta nele e resolve contra atacar...e quem é a mira delas? Lina é claro que parece que tem um diabinho em um dos ombros e um anjinho no outro...tadinha...

O livro é tão dinâmico que você não consegue parar de ler, se por um lado a personagem viveu 15 anos fugindo de sua própria vida (leiam e entederão) e não experimentado nada de fortes emoções. do dia para noite fortes emoções era só o que tinha no seu dia da dia. Quando as amigas dela achavam que a vida da amiga estava virada do avesso, ela chegava e contava mais reviravoltas. 

Algo que adorei no livro foram: sempre havia um acontecimento novo muito bem encaixado na história, mesmo a gente torcendo que a confusão na vida de Lina acabasse e que poderia ter sido solucionada com um frio e sem graça capítulo, a autora opta por talvez demorar sim no desfexo dos acontecimento e isso aproxima muito da realidade, afinal, a vida não é algo que ao estalar de dedos tudo se resolve... e a história imitou a vida dando o tempo certo de cada acontecimento. 

E quando tudo parecia "resolvido" mais reviravoltas, dessa vez não é só Lina que fica desnorteada mas sim Miguel, não sei quem fica mais confuso com seus pensamentos e emoções. O final... bom, quando cheguei no final eu pensei: preciso ler tudo de novo... hehehehehe.

* não é trecho do livro, apenas uma frase reflexiva que com certeza Lina deve ter pensado várias vezes, hehehehe.



domingo, 15 de outubro de 2017

Resenha: Cinco dias de busca

Autor: Leonardo Silva
Editora: Chiado
Número de páginas: 125


Skoob

Continuação de "Cinco Dias de Sonho": Davi e Ana agora enfrentam o desaparecimento enigmático da menina Liz. Com a ajuda de pessoas estimadas, moverão mundos e fundos para encontrá-la. Nessa saga, você descobrirá que o amor é capaz de encarar quaisquer obstáculos.


Este é o segundo livro da saga Cinco Dias de Sonho (confiram a resenha do primeiro livro aqui). Aqui já se passaram 5 cincos desde que Davi conheceu enfim a história de sua família e os tantos mundos diferentes existentes.

Davi continua no seu emprego de antes, com a mesma namorada, seus pais estão felizes, e sua irmã Ana agora tem uma filha. Final feliz para todos se não fosse pelo desaparecimento de sua sobrinha de 4 anos chamada Liz (filha de Ana). 

A notícia vem como uma bomba, Ana e o marido Erik estão desesperados, estranham o pouco caso que as autoridades estão fazendo portanto resolvem agir por conta própria mas com a ajuda de Davi. 

Se no primeiro livro Diana (namorada de David) não se envolve muito na história, dessa vez ela ajudará e muito e também vai conhecer o que só ouviu seu namorado contar (o que aconteceu nos cinco dias de sonho). 

Mas o que era apenas um desaparecimento se torna algo mais complexo de ser entendido, afinal, está acontecendo mais desaparecimentos....mas de adolescentes e não de crianças com a idade de Liz. O pai de Davi se torna fundamental para que tomem conhecimento de algo muito...secreto.  E com cada um ajudando de uma forma, então David, Diana e Erik partem em busca de algo que nem eles sabiam como começar...

A busca por Liz toma proporções maiores do que podem imaginar, revela fatos que não sabiam, e descobrem que a aparência nem sempre condiz com a verdade. 

Nessa história cheia de aventuras, emoções, descobertas inusitadas faz o leitor nem ver o tempo passar, cada capítulo é envolvente, não há enrolação na história, mistérios sim mas partes só para encher páginas não há, tudo tem um porquê, cada fato é cuidadosamente desvendado, a leitura fluiii.

Se eu amei o primeiro livro, amei igualmente esse. Ambos os livros conquistam de uma forma que a gente não quer que a história termine só para não perder o contato com os personagens. 

Leonardo Silva mais uma vez faz um trabalho brilhante e eu espero de coração que sua inspiração e talento só cresçam, cada dia mais.





domingo, 30 de julho de 2017

Resenha: Almas Afins

Autor: Edgard Armond
Editora: Aliança
Número de páginas: 153

Skoob

Este livro narra interessantes aspectos da Lei da Reencarnação, do Carma e da Justiça Divina, acompanhando a trajetória de Espíritos afins desde os tempos dos continentes submersos da Lemúria e Atlântica, passando pela 18ª Dinastia do antigo Egito, até chegar aos dias atuais, quando essas mesmas personagens dedicam-se a valiosas contribuições de natureza evangélica sob a bandeira do Cristianismo puro. Do ponto de vista histórico-doutrinário, a saga dessas personagens deixa claro ainda que por mais poderosos sejam os homens, jamais conseguirão impor às massas populares cultos estranhos ou contrários à sua própria mentalidade e sentimento. 

No terceiro e último livro da trilogia, Almas Afins vai falar dos ex habitantes da Capela vivendo no Egito, mais precisamente pela 18° dinastia.

Aqui o livro trata da lei da Reencarnação através de Espíritos afins que estão juntos desde muitas vidas. Quem narra a história que aconteceu no Egito são os mesmos espíritos que foram aqueles "personagens". Aqui é mostrado que nem sempre ser um líder significa controle do povo, desaparecimento de crenças.

Resenha: Na Cortina do Tempo

Autor: Edgard Armond
Editora: Aliança
Número de páginas: 125

Skoob

Sobreviventes da Atlântida preservam seus conhecimentos destinados à posteridade. Parte integrante da Trilogia História Espiritual da Humanidade - 'Os Exilados da Capela', 'Na Cortina do Tempo' e 'Almas Afins'.

Na continuação da trilogia Exilados da Capela, o segundo livro Na Cortina do tempo, fala dos exilados da Capela vivendo na Atlântida, esta que foi afundada em dois momentos distintos. No livro, o primeiro afundamento já tinha acontecido, mas os sobreviventes não estavam cumprindo muito com a missão que vieram fazer aqui na Terra, foi quando, um grupo de atlantes (grupo digamos mais espiritual) recebeu avisos do desaparecimento de suas terras.

O relato sobre o que aconteceu antes da inundação foi chocante, a natureza em fúria tirava o alimento, fazia as ondas chegarem a alturas apavorantes devastando o litoral, a população desesperada e o leitor com certeza agoniado. Esses espíritos com certeza tiveram uma grande provação, alguns porém se salvaram (os que receberam os avisos) indo para outras terras hora antes do desaparecimento total de Atlântica  e portanto conseguiram preservar seus conhecimentos destinados à posteridade.