Resenha: Andes – Um Caminho para as Estrelas

Andes – Um Caminho para as Estrelas


Autora: M.C.Jachnkee
Editora: Axis Mundi Editores SAC
Número de páginas:

Sinopse:

Até onde você iria para buscar as respostas do coração?
Movida pela vontade de encontrar o enredo perfeito para seu novo livro, Rafaela desembarca em Cusco, no Peru. Mal sabe ela tudo o que o destino lhe reserva. Com a ajuda de velhos amigos, ela percorre um dos cenários mais fascinantes da Terra em busca de pistas para desvendar um mistério que poucos conhecem: a construção de uma enorme ave condor feita pelos Incas, que os levaria de volta às estrelas. Será apenas uma lenda ou uma realidade esquecida na mente do povo andino? 
Em meio à beleza do lugar, poderá o amor, nascido na aventura amazônica, seguir crescendo no coração de Rafaela?
Amizade, romance e aventura farão parte da rotina desse grupo de amigos, enquanto estiverem percorrendo os territórios da antiga cultura Inca.
Uma história jamais escrita sobre os Andes!

Este é o segundo livro da autora, já li o primeiro e recomendo conferirem a resenha - Amazônia - um caminho para o sonho

Quando comecei a ler este segundo livro confesso que não sabia o que esperar (apesar de ter me apaixonado pelo livro Amazônia), foi então que percebi uns nomes conhecidos, em seguida vi que eram os mesmos personagens do primeiro livro e isso fez eu ficar muito animada. 

No primeiro livro um grupo de amigos - Ana Carolina, Camila, Rafaela, Joana e  seu tio Daniel - viaja para a Amazônia e lá vivem muitas aventuras e adquirem grande conhecimento do lugar e da cultura. 

Após essa aventura, cada personagem segue com sua vida não deixando de manter contato uns com os outros. Rafaela por exemplo, tinha o sonho de ser escritora, sonho esse que começa a se tornar realidade nesse segundo livro.

Rafaela então, decide se preparar para escrever seu primeiro livro, para isso ela se muda para Cusco - Peru e começa a viver a cultura local. Entre momentos de observação e pesquisas sobre a cultura e histórias da região, ela descobre uma teoria dos antepassados daquele povo sobre a via láctea. Segundo essa teoria, haveria um Condor, que seria uma ave construída pelos Incas que serviria para levar cada pessoa de volta às estrelas. 

Mas será que essa história é verdadeira ou mera lenda? E esse Condor? É uma ave verdadeira ou é um símbolo somente? Como seria esse "transporte" para as estrelas? Muitas perguntas e dúvidas  surgem sobre como começar a investigar.

Como Rafaela mantém seus amigos informados, estes sentindo cheiro de aventura no ar resolvem preparar uma surpresa para ela e chegam todos juntos na casa dela no Peru. Agora com a turma unida novamente a aventura em busca de respostas começa de verdade.  

Eles não possuem uma rota específica e conforme vão descobrindo fatos e sinais, vão definindo seus próximos passos. Cada personagem tem uma personalidade bem particular e marcante e isso deixa a história mais divertida e os amigos mais unidos. 

Eles passam por vales, pequeninas cidades, conhecem pessoas de todo tipo, o tempo atual parece se misturar com acontecimentos vividos há muitos anos quando os Incas constroem esse Condor.  A história não relata apenas os locais mais conhecidos das pessoas em geral, mas sim faz cada personagem mergulhar nas lendas e faz o leitor sentir que faz parte desse grupo de amigos. 

No final do livro é esclarecido de forma maravilhosa quem é, o que é, o que significa esse Condor e como esse transporte para as estrelas seria feito. Não poderia haver final mais lindo do que esse.  Há! E a história dá ênfase também aos relacionamentos de amizade e de um amor que nasceu na Amazônia e que me deixou na torcida para evoluir nesse segundo livro (não darei spoilers mas achei perfeito demais como a parte mais romântica da história foi desenvolvida).

Algo muito marcante nesse e no primeiro livro é a profundidade feita nas lendas de cada região, no caso do livro atual, do Condor. Impossível não se envolver com o enredo, com as emoções. 

Marli escreve de uma forma que puxa o leitor para dentro das aventuras desse grupo de amigos e faz a gente desejar que o livro não termine nunca para que não haja necessidade de dizer tchau. Livro mais do que recomendado, segunda publicação da autora, segunda história dela que entra para meus favoritos.

Para quem quiser mais informações sobre a autora e suas obras, acessem o site: 







2 comentários:

  1. Fernanda, estou encantada com suas palavras. Muito obrigada por ler Andes e obrigada por dividir conosco sua opinião. Um super beijo e te espero aqui em Cusco rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Olá. Você merece cada elogio. Talento imenso.

    ResponderExcluir

** Obrigada pelo comentário. Seja sempre bem-vindo (a) !! **
Obs: Comentários anônimos serão deletados.