Sobre o blog

Bem-vindo ao Trilhas Culturais!


Sou a Fernanda, proprietária do Trilhas e nesta página vou relatar para vocês o histórico de vida do Trilhas, as fases que ele passou e quais as redes sociais que está cadastrado. Essa página está em constante atualização.

* História

2011

O Trilhas Culturais foi criado em 20 de junho de 2011  por mim, Fernanda, para ser um blog literário. Nos primeiros meses, ele cresceu lentamente fazendo parcerias com autores e outros blogs, aliás nossa primeira autora parceira foi a Luciane Rangel.

Os posts iniciais  foram trazidos de um outro blog que eu possuía e que não possuo mais.  Posteriormente comecei a fazer posts sobre lançamentos de livros e eventos literários.

Durante um ano, o blog teve períodos alternados de muitas e poucas atualizações, isso foi devido principalmente ao fato de, nessa época, eu estar terminando minha faculdade.  

Algum tempo depois, o blog ganhou sua primeira colunista: Kéllen Baeso a qual ficou responsável pelos posts sobre cinema. Depois dela, foi a vez da Ana Magiero entrar para a equipe ficando responsável pelos posts semanais de eventos.  Nesse período também foi feito o perfil do blog no twitter.

                                                                      2012

Quando o blog fez um ano em junho de 2012, realizei algumas mudanças, entre elas: criação da página no Facebook,  constante atualização no perfil do twitter através de agendamentos de mensagens, término das parcerias e a inserção de novos assuntos. Alguns dos novos temas foram:  dicas de culinária, fotografia e beleza, porém deixando sempre como foco principal a literatura e cinema. Completando as novidades no mês de aniversário, a equipe ganha  mais um integrante: Adriel com a coluna quinzenal chamada Cultura em Debate.

Em julho de 2012 o Trilhas ganhou novo layout e teve alguns marcadores renomeados e os assuntos principais foram organizados em um menu. Também nesse mês a colunista Kéllen Baesso sai da equipe sendo substituída pela Daniela. Logo após, ganhamos mais uma ajudante, a Pâmela que ficou responsável pela coluna semanal Divulgando.

Entre final de agosto e início de setembro de 2012 ganhamos mais uma ajudante na equipe: Jéssica que se responsabilizou pelos posts sobre seriados e filmes. Nesta mesma época a colunista Ana Magiero sai da equipe. Em outubro de 2012 a colunista Daniela sai da equipe e em dezembro, é a vez do colunista Adriel sair. Também no mês de dezembro de 2012  entra na equipe o colunista Tanderson.

2013

Em janeiro de 2013, a equipe ganha duas novas ajudantes: a Gladys ficando responsável pelas atualizações no perfil do blog no Facebook e a Fernanda que assumiu o grupo do blog no Skoob além da nova coluna de entrevistas.

Em fevereiro de 2013 o blog ganha seu próprio domínio .com, além disso uma nova atualização no layout é feita.

Em abril e maio de 2013 a equipe aumenta com a Rose, coluna de eventos e a Luana com os posts sobre livros em promoção (preços menores).

Em agosto a Luana sái do blog e entra a colunista Grazielle com a coluna Linhas Proseadas.

Em Dezembro ganhamos mais um ajudante: Ricardo com uma coluna de crônicas.Também em Dezembro o Trilhas ganha um layout personalizado feito pela Stefani (http://istehdesign.blogspot.com.br/)


2014

O Trilhas foi fechado em Abril. Vídeos foram excluídos e algumas postagens.
Devido ao Trilhas continuar recebendo visitas e comentários mesmo estando encerrado, ele é reaberto em Junho, mês de aniversário de 3 anos.


2015

No início desse ano eu, Fernanda, desisto definitivamente de postar, retiro o site do Trilhas do ar. 
Em Novembro, conto a história do Trilhas para algumas pessoas de um grupo no Whatsap e elas me incentivam a voltar a publicar as resenhas. Como sinto saudades desse mundo decido reabrir o Trilhas, porém faço uma cópia de tudo o que havia ainda nele e coloco num blog http://arquivotrilhasculturais.blogspot.com/  , ali fica todas as postagens que ainda restavam do Trilhas original. 

Já aqui, na página original do Trilhas excluo todas as postagens exceto as resenhas e decido por manter aqui, pelo menos por enquanto, somente as resenhas de todos os livros que li. 

Não volto com o Trilhas com a intenção de divulgar ele, de voltar a ter parcerias, volto com ele apenas para que seja um repositório das resenhas de todos os livros que eu ler.  E afim de não misturar resenhas de livros simplesmente de ficção com resenhas de livros espíritas (que estou lendo bastante), mantenho as resenhas de todos os livros espiritualistas separado em http://www.fernandaluz.com/


 2016

Início do ano resolvo unir as resenhas de livros espíritas com as dos restantes dos livros. Aqui no Trilhas ficam todas reunidas como se fosse um arquivo de resenhas. 

Em Junho por sugestão de uma leitora, resolvo abrir o Trilhas para as postagens que eu estava fazendo no Fernanda Luz,  volto para cá inicialmente com as resenhas já existentes e pequenos textos, pequenas crônicas de minha autoria.