sábado, 9 de julho de 2016

Crônica: Desapegue

Sugestão de música: Train - Hey, Soul Sister



Acumular, acumular, acumular!! Lojas repletas de liquidação sempre!! Fico um pouco perdida quando escuto ou leio que tal loja está entrando em liquidação, como assim? Eu quase sempre vejo as plaquinhas de liquidação e promoções nas lojas e ainda dizem que tem data específica? Alguém me sintoniza nesse mundo? 

Bom, enfim, o comércio em geral (tanto físico como virtual) nos enchem de fotos de produtos e preços dignos de sonho. Mas só sonho mesmo porque nos vendem a ilusão que precisamos para ontem daquela camisa, daquele vestido deslumbrante (para usar onde mesmo?), daquela sandália linda e alta (sendo que no dia a dia já cansamos de andar de sapatilha o que fará de salto alto), roupas e acessórios e calçados que nos enchem os olhos, esvaziam nossos bolsos e mofam no armário.

Maquiagens. É base, CC Cream, BB Cream, DD Cream, GG Cream (ok, exagerei de propósito) e por ai vamos comprando todas as novidades de maquiagem mesmo não sendo nós maquiadoras, vamos comprando o batom hit da estação sendo que temos uns 10 no armário que nem estão na metade. Perfumes!! Um cheiro só não tem graça, temos que ter uns 5... ops... famosa fulana de tal divulgou que usa tal perfume, ops, não tenho, melhor comprar... 6 perfumes agora. 

Livros. Moda do momento: ler. Enfim uma moda que dou créditos afinal ler enriquece nosso vocabulário, mas a moda não é somente ler mas sim ter 30, 40 livros não lidos na estante sendo que, a cada mês a mesma estante ganha (no caso de blogueiras com parcerias) cerca de 10 novos e a gente lê uns 3 por mês? Claro que quem tem blog literário é outrooo caso, afinal, com as parcerias com editoras e autores se ganha muitosss livros de parceria e além disso também tem a lista de desejados né...

Agora pergunto: para quê tanta coisa? Vocês já pensaram na quantia de dimdim que desperdiçam comprando coisas que já possuem? Coisas novas que compram que ficam atiradas depois do terceiro dia da compra quando passa a empolgação de "ter algo novo em casa"? Já imaginaram o que daria para fazer com esse dimdim desperdiçado? Quem sabe um curso legal? Quem sabe uma viagem? Conhecer aquela praia que há muito tempo tem vontade de ir? Ou dar entrada no apto próprio ou trocar de carro... já pensaram?

Eu nunca fui de acumular nada de propósito mas há um ano me deu um siricutico e eu esvaziei tudo o que tinha em casa e resolvi desapegar. Fiquei um dia todinho em função mas cada peça de roupa, cada calçado, casa acessório foi bem pensado antes de ser guardado novamente. O que não gosto mais doei para amigas e vizinhas e o resto: lixo. Sou doida? Sim, sou doida pelo desapego, sou doida para deixar só o que uso e gosto, sou doida para mudar meu estilo sempre que eu quiser (no caso, agora), sou doida por não ter "síndrome de museu", sou doida sim...não tinham percebido ainda? Hehehehe.

Mulherada: tentem fazer baixar o desapego nessas mentes poderosas de vocês e vão dar uma geral no guarda roupa, não tenham pena porque depois de amanhã nem lembrarão mais do que se desapegaram. 

Como queremos ser cada dia mais felizes e realizadas se nos apegamos a coisas tão materiais? Se não usa mais seja o que for (incluindo namorados e ficantes) manda um "saí dessa vida que não te pertence mais".  Vamos usar e aproveitar somente o que nos faz bem, vamos ter o que nos enche os olhos de alegria e o resto (roupas, calçados, ficantes, acessórios, papelada, amigo colorido, documentos, livros, namorados, maquiagens, objetos da casa em geral, etc) mandamos para o espaço com passagem só de ida!!

Para começarmos a ter uma vida mais plena e feliz precisamos desapegar!! Para as mais cautelosas dou uma dica: faça o desapego e coloque tudo numa caixa grande, lacre e mande para casa de algum parente ou amiga e explique que como você é cautelosa, ainda não teve coragem de mandar para o espaço, o processo do seuuu desapego é mais lento. Experimente ficar um mês longe de tudo o que desapegou e verá que nem sentirá falta deles, se sentir basta buscar somenteeeee o item que deu saudade (exceto exs qualquer coisa, por favor, esses não, não busque ex).

Sejamos mais leves, mais espaçosas, mais livres. Não é só o nosso comportamento no dia a dia que tem que ter pitadas de loucura mas também a relação que temos com todos os itens materiais que nos cercam. Não vamos nos atucanar e envelhecer antes do tempo para sempre estar na moda. Moda é a gente quem faz, moda é ser original, é sermos Vanessas, Auroras, Marias, Márcias, Danielas, Tatianas... moda é sermos nós com toda a nossa originalidade!!! Não vamos ser escravas das propagandas, não vamos ser escravas desse mundo capitalista, não vamos ser escravas de nada além da nossa própria essência!! 

Não vamos deixar que ninguém manipule nossas mentes, nossos desejos, nossas vontades, nossos sonhos... Vamos adotar o minimalismo nas nossas vidas, vamos nos desapegar de tudo e de todos que não tiverem capacidade de nos fazer feliz!! Se tiver medo, vai com medo mesmo!! Mas vá, não seja prisioneira do medo, do receio, da preocupação e precisando de ajuda, corra para cá... tenho certeza que há várias Fernandas por aí esperando a chance de se juntar a mais Fernandas, Vanessas, Danielas... , vamos unir todas as mulheres que querem ser livres e felizes do jeitinho que cada uma é. 


2 comentários:

  1. Visita! :)

    Muito boa a ideia de juntar música e texto. Gostei... Sobre o texto, desapegar sempre é bom, deixa a vida mais leve.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu amigo. Coisa boa te ver por aqui. Que bom que gostou da mistura música e texto. Demorei para ter coragem para publicar...hehehehe

      Excluir

** Obrigada pelo comentário. Seja sempre bem-vindo (a) !! **
Obs: Comentários anônimos serão deletados.