quarta-feira, 2 de março de 2016

Resenha: Um Certo Verão



Editora: Arqueiro
Número de páginas: 271


"Diagnosticado com uma doença terminal, Jack passa seus últimos dias se despedindo da esposa Lizzie e de seus três filhos. Inesperadamente, uma nova tragédia se abate sobre a família: Lizzie sofre um acidente de carro e morre. Com isso, as crianças são obrigadas a morar com outros parentes. Quando tudo parecia perdido, Jack se cura e reencontra seus filhos. Num verão inesquecível, ele luta para reconstruir a família e reaprende a amar."


Eu fiquei muito curiosa para ler este livro desde que ele foi lançado e li a resenha.

O livro começa com uma situação bem definida: Jack com doença terminal (sem esperanças de curar-se) que é casado com Lizzie que tenta cuidar do marido e dos 3 filhos. Cada linha da história onde mostra a situação de uma pessoa doente se despedindo em silêncio das pessoas que ama realmente emociona. Porém essa situação recebe um toque de mais tristeza, Lizzie, cheia de energia acaba morrendo. Impossível não pensar antes mesmo de ler como ficará essa família com o pai contando os dias para morrer enquanto os 3 irmãos ficam perdidos sem saber o que fazer agora sozinhos sem a mãe e com o pai em cima de uma cama esperando a morte.

A solução é Jack ir para uma casa que cuida de doentes terminais até eles realmente morrerem e os filhos em casas de parente...mas que história é esse onde só acontece tragédias? Mas aí que esta, quando todos esperam a notícia oficial da morte de Jack, ele se recupera totalmente, algo que nem os médicos sabem explicar. Agora sim Jack começa sua luta, buscando seus livros e tentando viver em paz numa cidade litorânea.

Jack porém tem diversos desafios: como se aproximar dos filhos e principalmente da filha adolescente, como criar uma nova rotina na casa onde sua esposa passou a infância e principalmente como recomeçar a viver sem o grande amor da sua vida.... E como se não bastasse muitas pessoas tentam destruir essa família ainda em construção.

O livro é ótimo, sempre com algo acontecendo, sempre com uma nova emoção nascendo em algum personagem, sempre destacando a luta para viver mesmo com dores das perdas sofridas.

Eu super recomendo esse livro cheio de emoção, cheio de lutas, cheio de sentimentos de amor e superação.





0 comentários:

Postar um comentário

** Obrigada pelo comentário. Seja sempre bem-vindo (a) !! **
Obs: Comentários anônimos serão deletados.