quarta-feira, 2 de março de 2016

Resenha: Dizem por aí...




Autora: Jill Mansell
Editora: Novo Conceito
Número de páginas: 430


"O namorado de Tilly Cole acaba de se mudar do flat deles com metade de suas coisas. Sem nada para prendê-la, Tilly decide rapidamente morar mais perto de sua melhor amiga, Erin, em um vilarejo minúsculo em Cotswolds. Lá, Tilly é contratada no mesmo momento como faz-tudo em uma empresa de design de interiores. Para sua surpresa, a cidade pequena transborda escândalo, sexo, fofoqueiros e boatos, focados basicamente em Jack Lucas, o homem lindo de muita classe e melhor amigo de seu chefe. Todos falam para Tilly ignorar o encanto por Jack, que ela será apenas outra em sua cama se ela se deixar levar; mas Tilly, que trabalha ao lado de Jack, enxerga uma parte carinhosa e cuidadosa dele que não é revelada à cidade. É impossível que ele seja a mesma pessoa de quem todos falam. Ou é possível? Tilly deve separar os fatos da ficção e seguir seu instinto neste divertido romance moderno."

Romance em um livro de leitura leve, porém longa. Personagens carismáticos, sem grandes problemas em suas vidas e os problemas que aparecem são calmamente resolvidos. Eu gostei do livro mas não muito. Gostei da história porém achei o livro muito longo, daria perfeitamente para contar a história de Tilly com menos páginas, o que eu acredito faria o livro ficar melhor.   Não que eu tenha achado a vida da personagem principal sem graça, até achei legal e bem divertido o novo emprego dela, e o final....haaaaaaa, lindo, mas simplesmente achei que faltou algo na narrativa que não sei explicar bem o que é.

Foram muitas páginas para um cenário que pouco mudava, para citar acontecimentos que se alongavam um pouco e talvez somado a isso, uma não-simpatia minha momentânea por estas páginas longas.   Quando um livro trata de romance de uma forma leve, acredito que ele também deve ser leve e mais sucinto, muitas páginas para um cenário que pouco muda pode tornar a leitura cansativa e fazer surgir no leitor um sentimento de "quero terminar logo", o que aconteceu comigo.

Claro que recomendo o livro, imagino que muitos de vocês adoraram o livro e quem não leu deve sim ler e tirar suas próprias conclusões, mas a minha é que este foi um dos livros que mais demorei para ler nesse ano. Apesar de ter lido livros bem maiores que este nesse ano de 2012, este eu demorei mais porque a história não estava me cativando.

Aliás, quem de vocês já leu este livro? O que acharam? Conte aí.



0 comentários:

Postar um comentário

** Obrigada pelo comentário. Seja sempre bem-vindo (a) !! **
Obs: Comentários anônimos serão deletados.